Arrascaeta se pronuncia sobre em rede social sobre sua situação com o Cruzeiro

Principal novela dos últimos dias, o caso Arrascaeta e Cruzeiro ganhou mais um capítulo neste sábado, 5.  Depois das acusações de Itair Machado, vice de futebol da Raposa, Daniel Fonseca, empresário do atleta, fez mais um comunicado explicando a situação. Segundo ele, o Cruzeiro aceitaria vender o uruguaio por 10 milhões de euros e, com isso, foi apresentada a proposta do Flamengo.

No entanto, os mineiros recusaram ao saber que a oferta era Rubro-Negro. Depois, ao FOX Sports, o cartola disse conversaria com os cariocas. No entanto, segundo Itair, qualquer negociação só acontecerá quando o atleta se apresentar ao grupo na Toca da Raposa. Arrascaeta faltou pela terceira vez seguida e está no Uruguai.

Confira abaixo o comunicado:

O senhor Itair Machado segue dizendo coisas na imprensa que me obrigam a fazer um novo comunicado. Primeiramente gostaria de salientar que o teor da discussão é óbvio, já que estamos falando do melhor jogador do elenco segundo o próprio Itair. Também é considerado um dos melhores 10 da América.

Em segundo lugar, gostaria falar sobre três coisas: a transferência de Arrascaeta, a questão contratual e o que o senhor Itair Machado disse sobre a minha pessoa.

Sobre a transferência, o Cruzeiro manifestou que estava disposto a receber uma proposta de 10 milhões de euros pelo Arrascaeta. Na reunião do dia 3 de janeiro, informamos que havíamos conseguido um clube disposto a pagar esse valor e que esse clube era o Flamengo. Quero ser contundente sobre essa questão, porque o próprio Cruzeiro disse que gostaria de negociar Giorgian por esse valor e essa foi a proposta que apresentamos.

Em relação contratual com Giorgian, essa ligação ainda está em vigor e implica obrigações e direitos para ambas as partes, algumas delas estabelecidas para o expresso de texto e outros que derivam da natureza do contrato e direito. É claro a violação ostensiva do Cruzeiro, que continuou com sua pregação, apesar de perceber os danos causados? E os riscos para a segurança do atleta que impedem ou comprometem pelo menos seriamente a continuidade da relação contratual.

Finalmente, quero deixar claro que eu afirmo em todos os termos a minha declaração anterior e reitero que são necessários esforços e deixar de lado as vaidades e egos pessoais para o melhor interesse do atleta” contou o atleta.

Fonte: Fox Sports

 

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente



Digite a palavra e tecle Enter.