Dia Nacional do Samba é comemorado com caminhada, palestra e encontros de gerações

O Instituto Cultura do Samba juntamente, com o Grêmio Recreativo Mocidade Alegre, realizam o primeiro “O samba pede passagem”, neste próximo final de semana, dias 01 e 02 de dezembro. Com a missão de valorizar a cultura e aproximar os sambistas, os eventos acontecem com programação diversa e entrada gratuita.

No sábado, 1, a partir das 11hs, será realizada a caminhada do Samba. Com saída marcada para a Escadaria da Câmara Municipal no Parque Halfeld, sambistas de diversas agremiações, instituições e partes da cidade, prometem entoar sambas antológicos e com muita alegria e descontração, convidando a todos os transeuntes para se juntar ao grupo.

Já no domingo, 2, a partir das 9hrs, acontece a palestra “A importância das Escolas de sambas nas suas comunidades”, com o professor Marco Aurélio Reis. O pesquisador foi professor do Instituto de Carnaval do Rio de Janeiro, lecionando sobre enredo. Atualmente é docente do curso de comunicação e publicidade na Estácio de Sá no Rio de Janeiro.

A partir das 13hrs o show fica por conta dos grupos Bamba Samba Show e Essência do Samba. Aspirando enaltecer os personagens que realizam diariamente a luta pela perpetuação da cultura, será entregue a Comenda Ary Barros a várias personalidades do carnaval de Juiz de Fora. Para encerrar a festa, Bateria Mirim, casais de mestre sala e porta bandeira e a bateria nota 10 da Mocidade Alegre.

Os festejos serão realizados no Salão da Mocidade Alegra, localizado na Rua Rita Monteiro esquina com Heitor Soares, Santa Cecília, em Juiz de Fora.

Fonte: Assessoria

Compartilhe




Receba nossa Newsletter gratuitamente



Digite a palavra e tecle Enter.