Funcionários terceirizados da PJF paralisam atividades

Funcionários terceirizados da PJF paralisam atividades

Cerca de 73 funcionários terceirizados que trabalham na Prefeitura de Juiz de Fora (PJF) estão com as atividades paralisadas desde segunda-feira, 14. Segundo o Sindicato dos Trabalhadores das Empresas de Telecomunicação (Sinttel), não há previsão para que os teledigifonistas e digitadores que participam da paralisação retomem as atividades.
Segundo a presidente do Sinttel, Ana Carolina Lelis, “tivemos uma reunião com a PJF e não tivemos avanço, porque estamos tentando um pagamento direto, mas encontramos alguns entraves. Não há previsão de pagamento, por isso não há previsão de volta dos funcionários”.
Ainda segundo Ana Carolina, o salário referente ao mês de novembro ainda não foi pago aos terceirizados, além do retroativo do aumento de salários de janeiro a agosto, vale transporte e o 13º salário.
A empresa Terceiriza, responsável pelo pagamento, se manifestou por meio de nota. O advogado da mesma informou que “a empresa recebe da PJF pelos serviços prestados de digitadores e de teledigifonistas com base e valores das convenções coletivas do ano de 2013, e promove ao pagamento de seus funcionários com salários das convenções do ano de 2015”.
Também por meio de nota, a empresa afirmou estar sendo alvo de ações judiciais que resultam no bloqueio de recursos da empresa, o que dificultaria o pagamento. “Portanto, deixando a prefeitura de pagar e os sindicatos retendo judicialmente valores, a empresa não possui recursos para o pagamento dos funcionários. De toda forma, a Terceiriza Serviços Ltda. informa estar envidando todos os esforços para pagar seus funcionários”.
A Prefeitura de Juiz de Fora também se manifestou por meio de nota. Segundo a instituição, “a Prefeitura de Juiz de Fora não tem medido esforços na busca de soluções para o impasse, ainda que o pagamento dos funcionários seja de responsabilidade da empresa prestadora de serviços, com a qual a PJF tem a relação contratual. A PJF informa também que todos os pagamentos mensais estão em dia com a empresa, com o último pagamento tendo sido realizado até o dia 7 de dezembro, totalizando R$233.721,42, à empresa Terceiriza”.
Sobre a reunião realizada nessa quarta-feira, a prefeitura informou que já notificou a empresa oficialmente e aguarda retorno. “A PJF fará todos os esforços para que a empresa pague os funcionários ainda em 2015. A instituição também se comprometeu a suspender o próximo pagamento se a empresa não cumprir sua parte do contrato, que é a de realizar o pagamento dos funcionários”.

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro