Idosa acusa genro de vender móveis de casa para pagar dívidas de drogas

Idosa acusa genro de vender móveis de casa para pagar dívidas de drogas

Uma idosa de 73 anos registrou uma ocorrência na Polícia Militar (PM) nessa sexta-feira, 12, para denunciar o genro. No documento, a mulher afirma que o homem, 31 anos, teria vendido diversos móveis da casa dela para pagar dívida de drogas.


Conforme o Registro de Evento de Defesa Social (Reds), a idosa relata que a filha e genro foram morar na casa sem autorização após a morte do marido dela. No momento do crime, a vítima não estava na residência e acionou a PM após ser informada que o suspeito estava furtando e vendendo os móveis da casa.


A residência foi arrombada e foram furtados dois guarda-roupas, três camas de casal, uma televisão, um rack, dois sofás, um espelho, um centro de mesa, duas geladeiras, uma estante, um armário de cozinha, uma prateleira, uma máquina de lavar, vários utensílios domésticos, um aparelho de som e dois botijões de gás.


Os policiais realizaram buscas, mas o suspeito não foi encontrado.

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro