PC prende três em operação de combate ao narcotráfico em Muriaé

PC prende três em operação de combate ao narcotráfico em Muriaé

Um mês após a realização da megaoperação denominada Juízo Final, que resultou na prisão de 20 pessoas e apreensão de vários veículos, a Polícia Civil (PC) realizou nova fase desta mesma operação visando o combate ao narcotráfico em Muriaé. Entre a tarde dessa quinta, 9, e a manhã desta sexta-feira, 11, a PC prendeu três pessoas por suspeita de envolvimento com organizações criminosas da cidade.


De acordo com o coordenador da Agência de Inteligência da 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil (DRPC), delegado Tayrony Spíndola, a PC cumpriu dois mandados de prisão na tarde de ontem, 9, no bairro Aeroporto. Em uma das ações, o suspeito tentou dispensar a droga pelo esgoto do banheiro ao perceber a chegada dos policiais. O vaso sanitário foi arrancado, mas os investigadores conseguiram recuperar parte da droga.


Ainda segundo o delegado, conforme apurado durante as investigações, um dos homens presos é familiar do líder de um dos grupos criminosos e ele emprestava seu nome para lavar o dinheiro do tráfico. Já o outro suspeito preso seria o braço direito dos líderes de uma das organizações criminosas.


O terceiro suspeito foi preso em uma ação realizada na manhã de hoje, 10, no bairro Padre Tiago. Vários mandados de busca e apreensão também foram cumpridos nestes dois dias.


O delegado Tayrony Spíndola fez questão de enfatizar que o objetivo do desdobramento da operação Juízo Final é dar continuidade ao enfrentamento e a desarticulação dessas organizações voltadas para o tráfico em Muriaé que, para manter o controle da comercialização de drogas, tem cometido assassinatos.


Ainda de acordo com o delegado, os suspeitos presos na 1ª fase da operação tiveram suas prisões prorrogadas pela Justiça.

 

Fonte: Rádio Muriaé

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro