Motorista cai em ribanceira na BR-265 e passa a noite preso no carro

Motorista cai em ribanceira na BR-265 e passa a noite preso no carro

Um homem de 38 anos passou a noite de terça-feira, 10, para quarta-feira, 11, preso às ferragens da caminhonete que dirigia, após cair de uma ribanceira de cerca de 40 metros de altura na BR-265, em Barroso, cidade localizada a 120 km de Juiz de Fora.


O acidente ocorreu por volta das 21h no km 223. O caso foi descoberto na manhã de quarta pela Polícia Militar de Barroso, que acionou o Corpo de Bombeiros de Barbacena às 7h50 e o pelotão da Polícia Militar Rodoviária (PMR) da cidade para o atendimento à ocorrência.


Conforme informações divulgadas pelos bombeiros, o motorista contou que seguia sentido São João del-Rei quando perdeu o controle da direção, saiu da pista e desceu a ribanceira, parando entre os matagais. O homem, que é de Araújos (MG), contou que as portas travaram por causa do acidente. Ele ficou preso e reclamou de dores nas pernas, sem conseguir se locomover, e não teve como pedir socorro porque perdeu o celular no acidente.


Os bombeiros informaram que, para alcançar o carro, tiveram que efetuar rotas de acesso com cordas e usar desencarceradores para resgatar o homem. Ele foi imobilizado e colocado em uma prancha rígida que foi içada às margens da rodovia.

MELHORIAS
O acidente está longe de ser uma exceção na rodovia. Em 2015, a BR-265, que passa por Rio Pomba, Barbacena, São João del-Rei, entre outras cidades mineiras, foi considerada a terceira rodovia mais perigosa de Minas. Ainda não foram divulgados novos dados sobre a situação atual, porém os riscos e acidentes na rodovia continuam. Devido a esses fatores pessoas se juntaram a fim de lutar para reverter essa situação.


Em meio a lutas e tristezas, há também evoluções, como as melhorias anunciadas para o trecho São João del-Rei – Lavras da BR-265. A decisão resultou de uma reunião que contou com a presença de representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), políticos, técnicos, usuários da rodovia, representantes da Associação dos Municípios da Microrregião do Alto Rio Grande (AMALG) e com dois líderes do movimento “Somos Todos Vítimas da BR-265”.


Entre as melhorias previstas estão a reconstrução total da pista existente no trecho; implantação de 40 km de terceiras faixas no segmento São João del-Rei – Lavras; ordenamento da travessia urbana de São João del-Rei, com implantação de vias laterais e adequação de trevos, num total de cinco; além da adequação nos trechos de Itumirim, Macuco e Itutinga (travessia urbana).

SOMOS TODOS VÍTIMAS
O movimento já coletou quase seis mil assinaturas nos abaixo assinados físicos e online em prol da duplicação da BR-265. Em 12 meses de campanha, o movimento conseguiu diversas melhorias para a rodovia e também, chamou a atenção dos órgãos competentes para os problemas existentes. Além da petição há também um grupo no Facebook que possui quase oito mil membros e a página "Duplicar para não Matar" já chegou a receber mais de 300 mil visualizações semanais.

Fonte: Da Redação/Colaboração Barbacena Mais e Vertente Agência de Notícias

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro