Combinações de idade e contribuição podem garantir aposentadoria de R$3 mil

Combinações de idade e contribuição podem garantir aposentadoria de R$3 mil

O segurado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que vai completar as condições mínimas para se aposentar deve levar em consideração que sua renda poderá diminuir nessa nova fase da vida. Por isso, é necessário considerar as opções para garantir uma aposentadoria com valor vantajoso. Algumas combinações de idade e tempo de contribuição podem ajudar o trabalhador a garantir uma aposentadoria de até R$3 mil antes das mudanças que serão promovidas pela Reforma da Previdência.


De forma geral, é preciso que os salários do trabalhador sejam superiores ao valor que ele deseja receber na aposentadoria. O valor do benefício vai variar conforme a média salarial do segurado, que é definida com o cálculo dos 80% maiores salários desde julho de 1994. Quanto maior a média salarial e o tempo de contribuição, menos tempo o segurado terá que esperar para garantir a renda planejada.


No caso da aposentadoria por tempo de contribuição, se não tiver completado as exigências da regra 85/95, o segurado enfrentará o desconto do fator previdenciário. Para garantir um benefício igual à média salarial, será preciso completar, na soma da idade com o tempo de contribuição, 85 pontos, no caso das mulheres, e 95 pontos, no caso dos homens. Essa soma deve ser atingida antes de as novas regras entrarem em vigor, pois, depois disso, a fórmula deixará de existir.


Para quem começou a contribuir mais tarde, a aposentadoria por idade pode ser mais vantajosa, pois permite a aposentadoria da mulher aos 60 e do homem aos 65, mesmo com apenas 15 anos de contribuição ao INSS. No entanto, como o cálculo é diferente, só receberá o benefício igual à média dos salários quem tiver 30 anos de contribuição.


A simulação do valor do benefício pode ser feita no site do INSS. Será preciso informar todas as remunerações recebidas, mês a mês, desde julho de 1994.

Com 35 anos de contribuição Com 36 anos Com 37 anos

Idade atual (em anos) Média dos salários hoje (em R$) Idade atual (em anos) Média dos salários hoje (em R$) Idade atual (em anos) Média dos salários hoje (em R$)
 55 4.334,60 55 4.206,34 55 4.085,03
56 4.176,05 56 4.052,52 56 3.935,69
57 4.019,39 57 3.900,54 57 3.788,13
58 3.880,96 58 3.766,24 58 3.000,00

 

Com 37 anos de contribuição e 58 anos de idade, o segurado completa 95 pontos e pode garantir o benefício igual a sua média salarial pela regra 85/95


Para uma mulher conseguir uma aposentadoria por tempo de contribuição de R$3.000

Com 30 anos de contribuição Com 31 anos Com 32 anos

Idade atual (em anos) Média dos salários hoje (em R$) Idade atual (em anos) Média dos salários hoje (em R$) Idade atual (em anos) Média dos salários hoje (em R$)
52 4.804,96 52 4.662,62 52 4.528,00
53 4.674,39 53 4.535,96 53 3.000,00
54 4.478,31 54 3.000,00 54 3.000,00
55 3.000,00 55 3.000,00 55 3.000,00

 

Nesses casos, ma segurada completa 85 pontos e pode garantir o benefício igual a sua média salarial pela regra 85/95

Para uma aposentadoria por idade de R$3.000

Homem de 65 anos e mulher de 60 anos

Tempo de contribuição Média dos salários hoje (em R$)
15 3.529,41
16 3.488,37
17 3.448,28
18 3.409,09
19 3.370,79
20 3.333.33

 

Cálculo

O valor do benefício por idade calculando antes da reforma será igual a:
70% da média salarial + 1% para cada ano de contribuição

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro