VIDA NO AUTOMÁTICO

VIDA NO AUTOMÁTICO

Não há dúvidas de que, em nossas vidas, devemos pensar e agir, evitando, sempre, ficar apenas divagando nos pensamentos ou agindo sem prévia reflexão. O processo normal de elaboração de nossas decisões se inicia com as reflexões em torno do tema, daí passando para a tomada de decisão e, da decisão, para a execução. Não são poucos os que se perdem apenas pensando ou refletindo... Nunca decidem. Outros decidem, mas não põem em prática sua decisão. Ficam sempre a adiá-la. Enfim, há também os que decidem sem refletir antes. Agem precipitadamente. Mas fora do campo dessas deliberações conscientes existem aquelas que, na vida, se formam de maneira automática. Quando você se dirige de casa para o trabalho, de automóvel, geralmente não reflete sobre o seu trajeto. Já pôs o tráfego no seu automático e, assim, inconscientemente assume o caminho desejado. A vida exige muitas posturas que devem ser colocadas no automático. Quantas vezes você não guardou um objeto em determinado lugar, usando seu automático, e depois não se lembra. Assim, quando você pretende mudar comportamentos em sua vida tem necessidade de atuar de forma automática. Novas rotinas demoram muitas vezes a serem implementadas. Tem muita gente querendo trilhar um caminho, adotar um novo estilo de vida, mas não conseguem inseri-lo na sua rotina diária. Por no automático é muito importante e requer persistência e atenção. Não há como viver em sociedade sem agir, de forma automática, nas relações sociais. Os cumprimentos geralmente são feitos de forma espontânea, no automático. E, no automático, se desenvolve boa parte das atitudes das pessoas. Assim, boas condutas, introduzidas no seu automático, no dia a dia, podem fazer você melhor no relacionamento interpessoal. Buscar introduzir no automático o sorriso, o cumprimento alegre e efusivo, um dia com toque de entusiasmo. Mas, se de um lado é importante inserir as condutas e comportamentos usuais do dia a dia no automático, por outro é importante ter muito cuidado com ele. De forma espontânea e automática podemos elogiar o outro, enaltecer o outro, engrandecer o outro e, assim, angariar amigos e admiradores. Mas também podemos, de forma inconsciente, magoar o outro. Agindo no automático você não percebe atos que, de forma inconsciente, podem ter magoado alguém. Daí a importância de um automático vigiado, no qual você observe seu comportamento e identifique eventuais descuidos que você praticou.