LIDERANÇA E EMPREENDEDORISMO

LIDERANÇA E EMPREENDEDORISMO

Este é um tema que tenho muito prazer em abordar e que nos dias de hoje, principalmente, tem sido muito discutido e tem se tornado cada vez mais importante. É fundamental entendermos a diferença entre os dois conceitos.Você sabe a diferença entre empreendedor e líder?


Quando pensamos em liderança, determinadas pessoas vêm à nossa mente. A liderança, assim como outras características, como o falar bem, são elementos que podem e devem ser trabalhados. É importante saber que pessoas sem a menor habilidade para determinada função podem se tornar incríveis nesta atividade através do estudo, esforço e dedicação.


De fato, tudo é apenas uma questão de treino.


Eu tenho em pensamento que o esforço e a dedicação são tão ou mais importantes que o talento, por exemplo. O talento associado ajuda muito, mas a dedicação é a chave do sucesso.


De acordo com Walt Disney,um dos empreendedores de maior sucesso do mundo, “você pode sonhar, projetar, criar e construir o lugar mais maravilhoso do mundo, mas é preciso pessoas para tornar o sonho realidade”. Pessoas são capazes de conduzir a empresa a seus objetivos estratégicos, gerando mudanças, riqueza e valor. E isto depende de seu esforço e dedicação.


Vejo o empreendedorismo e a liderança como dois conceitos que dependem, e muito, do nosso esforço e dedicação. Quando falamos sobre eles, muitas palavras imediatamente nos vem à cabeça, não é verdade? Existem muitos textos que tratam o empreendedorismo como o estudo sobre as competências e habilidades do empreendedor, e a liderança como sendo a arte da influência.


Para alguns, nem sempre o empreendedor é um líder, assim como também nem sempre um líder é um empreendedor.


Sem aprofundar muito no mérito da questão, eu entendo que o empreendedor também possui a necessidade de ser um líder, pois para transformar a empresa em sucesso ele precisa, antes de tudo, criar certa influência em seus clientes, funcionários, fornecedores e, porque não dizer, em seus concorrentes.


Engana-se quem pensa que basta ser um bom chefe, elogiando, conseguindo bons resultados, passando a mão na cabeça e pronto, nasceu um novo líder. Não! Liderar é fazer com que todos entendam a importância de como as suas ações impactam diretamente no desenvolvimento da empresa e quanto isso possui importância em seu desenvolvimento pessoal. Em suma, é conscientizar, motivar sem ser autoritário, conseguindo o que precisa, mas contribuindo para o crescimento da empresa, do funcionário e de si próprio.


Podemos pensar em algumas particularidades entre empreendedorismo e liderança, termos que estão mais relacionados que o simples título desta matéria, mas também possuem suas particularidades.


O empreendedorismo anda junto da liderança, não porque o empreendedor precisa de um braço forte de seu lado, mas porque a liderança é o ponto máximo do desejo do empreendedor. Porque ser líder de um mercado é um fator muito importante, essencial para empresa. Porque a liderança certa faz com que processos tenham qualidade, os funcionários se sintam mais valorizados e ainda faz com que o líder tenha um bom gerenciamento dos dados administrativos, contribuindo para que o empreendedor alcance mais rápido posicionamento no mercado e, principalmente, melhores resultados.

EMPREENDEDOR

É aquele que tem a capacidade de criar algo novo e transformar em realidade, usando atributos de muita coragem e ousadia. Não se deixa abater por pequenos fracassos, porque seu desejo de empreender torna-se sua razão de viver, sua causa, e consegue insistir mesmo quando muitos duvidam de seus sonhos.


Grandes empreendedores são admirados por suas conquistas, seus feitos e conseguem muitos seguidores durante sua trajetória.

LÍDER

É aquele que consegue transformar e desenvolver profissionais potenciais em grandes talentos, não somente naquilo que fazem, como também em outras áreas de suas vidas, extraindo o que há de melhor no liderado. Alguns têm a incrível habilidade de formar novos líderes somente pelo exemplo.


DICAS PARA QUEM QUER EMPREENDER

- Quando for definir seu negócio, escolha algo que lhe proporcione prazer. Tenha em mente que você vai passar boa parte do seu tempo no trabalho e gostar do que se faz é essencial para que você alcance resultados positivos.
- Conheça a realidade do mercado onde seu negócio se insere e organize um plano de negócios. Você pode recorrer à órgãos da indústria e do comércio, como o Sebrae, para esclarecer dúvidas e se programar melhor.
- Pesquise e recolha informações que lhe dêem um subsídio consistente para a criação da empresa.
- Pesquise as melhores formas de financiamento e crédito para investir na abertura do seu negócio.
- Por fim, é só colocar a mão na massa! Com foco, compromisso e dedicação, os bons resultados vem com o tempo.

Colaboração: Lu Ferraz, jornalista

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro