JOSÉ MANOEL DA SILVA

JOSÉ MANOEL DA SILVA

Uma das lideranças comunitárias mais conhecidas de Juiz de Fora, José Manoel da Silva, carinhosamente chamado de “Seu Zé Manuel”, nasceu em 27 de setembro de 1937, em Santa Rita de Ibitipoca, Minas Gerais. Filho do lavrador Manoel Marcos da Silva e de dona Francisca Eugênia de Souza, é o terceiro dentre os sete irmãos.


Ainda pequeno, veio com a família para Juiz de Fora. Isto foi em 1946, quando o pai passou a trabalhar como retireiro no Sítio Santa Cruz, próximo à Fazenda Salvaterra, de propriedade do Coronel Prudente Carvalho de Araújo. Uma infância marcada por enormes dificuldades, estudou até a antiga quarta série primária, vindo muito mais tarde a concluir o primeiro grau, por meio do supletivo. Ainda menor, ajudava o pai nas atividades do sítio, no trato com o gado e na lavoura.

josemanoel.jpg


Quando da prestação do serviço militar obrigatório, atuou no contingente da antiga Fábrica de Estojos e Espoletas de Artilharia - FEEA, em Benfica.
Pai de cinco filhos, dentre eles o ex-vereador Carlos Henrique da Silva.


Foi garçom, despachante do setor de encomendas em empresas de transporte, relações públicas e representante comercial de malharias.
Mas foi no movimento comunitário que José Manoel da Silva escreveu seu nome na história de nossa cidade. Muito envolvido em todos os movimentos da Igreja Católica do bairro Santa Luzia - bairro onde reside há mais de 50 anos-, esteve à frente da construção da Igreja de São José. Sua participação na vida comunitária e nas relações com os governos municipais que acompanhou, permitiu sua presença constante em diferentes conselhos, como o da saúde, transporte, de execuções penais, habitação e de assistência social.


Foi presidente da Sociedade Pró-Melhoramentos do Bairro Santa Luzia, tendo sido o candidato mais bem votado da história daquela associação. Sua luta à frente da associação de moradores da comunidade que o adotou, permitiu inúmeras conquistas, como a construção da Unidade Básica de Saúde, intervenções no trânsito e asfaltamento de mais de trinta ruas. Foi conselheiro local e regional de saúde. Por dois mandatos presidiu a União Juiz-forana de Associações Comunitárias de Bairros e Distritos, a UNIJUF (uma entidade com mais de 50 anos de fundação). Nessa entidade, também foi vice-presidente duas vezes. Hoje, José Manoel é um dos diretores da Federação das Associações dos Moradores do Estado de Minas Gerais (FAMEMG).

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro