Caminhos no estado do Espírito Santo beiram rotas de tradição e beleza

Caminhos no estado do Espírito Santo beiram rotas de tradição e beleza

Um caminho onde a tradição e a beleza dos municípios se encontram. Um caminho que tem muita história para contar, seja pelos seus imigrantes ou seus visitantes.

A Rota Caminhos do Imigrante proporciona diversão e uma aula de cultura para quem procura conhecer um pouco de suas raízes ou, até mesmo, para aprender mais sobre o Espírito Santo.

Partindo de Cariacica, chegando até Praia Grande, em Fundão, A Rota Caminhos do Imigrante é um roteiro inesquecível em torno de oito municípios do Espírito Santo, cheio de surpresas, com um clima super agradável e um povo bastante acolhedor.

Quem visita o município de Cariacica se depara com muitas surpresas: - belezas naturais como a Reserva Biológica de Duas Bocas, o Monte Mochuara e uma ampla área de manguezal preservada. A área rural compreende 50% do território do município, que é palco de tradições, história e cultura.
A prática de esportes de aventura é uma tendência natural do município, como o voo livre.

É um cenário ideal para caminhadas ecológicas, cavalgadas e passeios diversos. Algumas propriedades oferecem atividades de lazer, com diversidade e ótima qualidade de atendimento. A produção artesanal é rica e inédita, como peças de alumínio reciclado e os trabalhos de fibra de bananeira.

Santa Leopoldina, berço europeu em terra capixaba. Desde o século XIX, é parada obrigatória para quem passa por lá. Seja com a chegada dos primeiros imigrantes: suíços, alemães, italianos, dentre outros ou pela visita de D.Pedro II, o imperador do Brasil.

Santa Leopoldina é um município que conserva seu ambiente tipicamente colonial. Possui um dos maiores acervos arquitetônicos construídos no final do século XIX e início doo século XX. Conhecida como “Cidade das águas”, é um verdadeiro paraíso ecológico com exuberância de cachoeiras, fauna e flora e diversidade étnica, que conferem à região a grande potencialidade de turismo cultural, lazer e prática de esportes radicais.

Conheça as belezas naturais, culturais, folclóricas e arquitetônicas, numa terra onde se fala o “pomerano, alemão e português.

São Roque do Canaã, localizada a 120 km da capital Vitória, apresenta um clima muito agradável, devido à variação de sua altitude. Seu relevo também proporciona um ambiente embelezado por montanhas e vales, onde se destacam inúmeras pedreiras ladeadas pela Mata Atlântica. O município é cortado pelos rios Santa Maria do Rio Doce, Rio Santa Júlia, Mutum e seus afluentes.

Esses rios, sendo de montanhas, contribuem na formação de exuberantes cachoeiras, e tem uma população muito acolhedora. Possui hotéis, restaurantes, lanchonetes e diversas lojas.

Itarana, um pedacinho do paraíso a ser desbravado. Pedra da Onça, Capela de Santa Luzia, reserva Ecológica Ângelo Maniero, Igreja de Nossa Senhora Auxiliadora, pesque-pague, cachoeiras, esses são alguns pontos turísticos que você vai encontrar em Itarana. Um município localizado a 127 km de Vitória, fundado pela comunidade de luteranos, conserva, ainda hoje, valores e tradições como: - a língua, a dança, a culinária e tantos outros valores que, efetivamente, foram importantes no desenvolvimento do município.

A Rota Caminhos do Imigrante passa agora pela primeira cidade brasileira fundada por imigrantes italianos. Santa Teresa possui belezas indescritíveis como seus vales, cachoeiras, rochedos, orquídeas raras e colibris.

Imagine passear por lugares que inspiram romances e por uma região onde se encontra um dos maiores índices de biodiversidade do mundo. Assim é Santa Teresa, com suas trilhas que levam a paisagens deslumbrantes, cachoeiras e suas três reservas naturais: - Reserva Biológica Augusto Ruschi, Reserva florestal Santa Lúcia e a Reserva Municipal de São Lourenço. Não deixe de conhecer o Vale do Canaã, o Valo Caravaggio e o Vale das Taboca.

Vale à pena visitar Museu de Biologia professor Mello Leitão e seu fascinante acervo científico de plantas e animais, com pesquisas desenvolvidas pelo cientista Augusto Ruschi. Berço de pesquisas com colibris, esse museu reforça a marca do beija-flor como símbolo do município, e marca uma região cheia de tradições, resultado da mistura das culturas de imigrantes italianos, alemães, suíços e poloneses. Visite as propriedades do agro turismo ou passe na Galeria do Artesanato e leve um pouco de Santa Teresa com você.

FOTO 02.jpg

O Museu de Biologia professor Mello Leitão tem um vasto acervo científico de plantas e animais da região

A Rota Caminhos do Imigrante chega até Fundão, um paraíso a ser descoberto e que possui o que o Espírito Santo tem de melhor. O município é a definição perfeita de uma das maiores características do Estado: a proximidade do mar com as montanhas. Fundão é o único município do estado que oferece praia e montanha dentro de seu próprio território, contando ainda com a natureza exuberante, além do rico passado cultural deixado por seus antepassados, sejam estes europeus, africanos ou índios.

Mesmo sendo interiorana, a cidade não deixa de oferecer toda uma rede de serviços necessários ao desenvolvimento turístico do município. Desse modo, fundão se apresenta como um município com vocação turística, agregando valores fundamentais ao turismo histórico-cultural, com sol e praia, ecoturismo, turismo de aventura e também turismo social e de lazer. Alguns pontos se destacam, como: - Praia Grande, Praia do Rio Preto, Enseada das Garças, o Parque Municipal do Goiapaba.

FOTO 03.jpg

Santa Teresa também faz parte da rota e possui belezas indescritíveis como seus vales, cachoeiras, rochedos, orquídeas raras e colibris

Por toda a Rota descobrem-se cachoeiras maravilhosas, paisagens indescritíveis, lugares históricos e muita diversão. Não podemos perder esses Caminhos!

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro