Cidade - Centro 1

A importância do curso técnico

A importância do curso técnico

Durante muito tempo, o curso técnico sofreu com um estigma no Brasil. Ele era reservado para os jovens que não conseguiram passar no vestibular ou que não achavam que tinham capacidade para fazer mais. Mas esse pensamento está ultrapassado: hoje, o mercado de trabalho está atrás de mais profissionais técnicos e, muitas vezes, eles podem ganhar mais e ter mais oportunidades do que quem é formado em uma universidade.

Apesar disso, apenas 6% dos jovens brasileiros estão em um Ensino Médio profissionalizante. Isso é problemático porque uma porcentagem pequena de jovens formados no Ensino Médio entra na universidade depois – cerca de 40%. Os outros, além de não entrarem na faculdade, não têm formação alguma quando tentam entrar no mercado de trabalho. E o ensino nas escolas comuns é voltado unicamente para o vestibular, como se o técnico não fosse uma opção.

Você já pensou em fazer um curso técnico? Quer saber quais são suas vantagens?
• Como é um curso técnico?

Ao contrário da universidade, o ensino no curso técnico é muito mais voltado para o mercado de trabalho. Ele ensina a exercer uma função específica e necessária no mercado da região. Por ser tão focado, um curso técnico costuma durar um ou dois anos, e o custo é bem mais baixo do que o de uma universidade. Ele é, sem dúvidas, o caminho mais curto entre o Ensino Médio e o mercado de trabalho.

Fazer um curso técnico é uma ótima opção para quem quer ou precisa ingressar rapidamente no mercado. Se não for seu caso, ele também é excelente para quem ainda não decidiu sua profissão, porque você pode aprender um novo ofício e, quem sabe, se descobrir durante o curso. Depois de começar a trabalhar, pode investir na universidade!

E o técnico é uma boa ideia também para quem está mudando de área ou reforçando um conhecimento que adquiriu na prática. Muitas vezes, você já sabe o que é necessário, mas precisa de um diploma para provar isso. O curso técnico é uma ótima ideia!

• Recepção no mercado de trabalho

Muitos setores estão sempre à procura de novos profissionais técnicos – às vezes, mais do que a região consegue suprir. É o caso da construção civil, que anda abrindo muitos cursos pelo Brasil.

Isso acontece devido ao grande volume de obras sendo realizadas nos últimos tempos. Quanto ao salário do profissional recém-formado, ele pode variar entre R$900 e R$2000, podendo ser mais do que isso em algumas especialidades.

A maioria dos estudantes já termina o curso técnico com um emprego garantido e com oportunidades para crescer na empresa em que foi contratado. Os cursos técnicos possuem características favoráveis para o estudante e o mercado de trabalho. Geralmente são rápidos com duração média de 1 ano e meio, possuem um custo baixo que variam em média R$300,00 dependo da região, e o enfoque do curso é pratico devido ser voltado para o mercado de trabalho. O salário de um profissional técnico depende da profissão e região do país, mas a média pode variar ente R$900,00 até R$2.000,00.
Em suma, fazer um curso técnico traz muitas vantagens. Você pode começar no início do Ensino Médio, em uma escola profissionalizante; no segundo ano, fazendo um curso técnico a parte da escola; ou depois de já ter se formado. Não há idade nem pré-requisito. Você só tem que estar disposto a estudar e aprender!

Colégio Pio XII

O Colégio Politécnico Pio XII, localizado na Rua Espírito Santo, 1.301, no Centro de Juiz de Fora, é altamente capacitado em formar Técnicos em diversos setores com muita qualidade. Estudar no Pio XII é a dica para aqueles que sentem paixão pela profissão, e tendem a se especializar e entrar no mercado de trabalho logo após se formar.
A instituição oferece oito cursos técnicos, são eles: - administração, contabilidade, enfermagem, eletrônica, informática, meio ambiente, química e segurança do trabalho. Mais informações sobre esses e outros curso no site, (www.colegiopioxii.com.br).

Logotipo do Grupo DMI    Logotipo da Agência Formigueiro