Marcando presença

Marcando presença

Marcando presença

FOTO2.JPGNa foto acima, o @casalherba_fit Felipe Vieira e Carolina, com Kaio Juliani, durante coquetel no Espaço de Vida Saudável.

FOTO03.JPGA equipe de presidentes 20k da Herbalife, Antônio Jorge Santos, Cristina Faria, com Carolina Vieira e Kaio Juliani.

Espetinhos de legumes para comer no feriado
Olá leitores, tudo bem? A receita de hoje é para quem vai curtir o feriado com os amigos e está em processo de reeducação alimentar. Enquanto os amigos preparam o tradicional churrasco, você pode inovar e colocar esse delicioso espetinho para assar na grelha da churrasqueira ou forno. Eles são fáceis de fazer e deliciosos.

Ingredientes
Legumes variados.
Sal e pimenta do reino
Temperos frescos da sua preferência: manjericão, salsinha, alecrim, etc...
Espetinhos de madeira
Modo de fazer
Corte os legumes em cubos e coloque-os todos juntos em uma travessa.Tempere-os com sal, pimenta e os verdinhos.
Monte-os, alternadamente, no espetinho e coloque na grelha até estarem macios e dourados.

FOTO01.jpg

Tome nota
Será no dia 4 de dezembro, em Juiz de Fora, o Circuito Sesc de Corridas 2016. A largada está marcada para as 8h, na Via 440, s/nº, bairro São Pedro, e a etapa terá provas com percursos de 5km e 10km, além de caminhada de 2,5km.
Os atletas profissionais e amadores interessados em participar do Circuito Sesc de Corridas podem se inscrever pelo site www.circuitosesc.com.br, ou pessoalmente, na Central de Atendimento do Sesc Juiz de Fora (av. Barão de Rio Branco, 3.090, Centro), até o dia 25/11. A taxa de inscrição é de R$ 20, para comerciários matriculados com carteirinha válida e para idosos, e de R$ 40 para o público em geral.

Chá verde e Chá de Hibisco: quais os benefícios à saúde?
Oriundo da planta Camellia Sinensis, o chá verde quando feito sob infusão, traz benefícios diversos, que vão desde o emagrecimento até a prevenção do câncer. É fonte rica de antioxidantes, auxilia na desintoxicação do organismo, no emagrecimento, na redução do colesterol e ainda tem ação imunoestimulante.
Seus antioxidantes auxiliam na prevenção do envelhecimento precoce das células e na redução da pressão arterial, do LDL (colesterol ruim) e é capaz de reforçar o sistema imunológico. Estudos indicam que as Catequinas do chá atuam inibindo a iniciação e o desenvolvimento de diferentes tipos de tumor (pulmão, esôfago, duodeno, pâncreas, fígado, mama e cólon).
Por conta do teor de cafeína presente em sua composição, ainda auxilia no emagrecimento, à medida que acelera o metabolismo e a queima de gordura. Os compostos fenólicos do chá verde auxiliam na memória, na desintoxicação e no processo digestivo.
O ideal é consumir uma xícara três vezes ao dia, sem adoçar. Se achar o sabor extremamente amargo, tente com um pouco de canela, mas fuja do açúcar, ele pode eliminar as propriedades do chá e ainda desequilibrar a dieta. E não esqueça, a melhor opção é a erva, pois preserva todos os nutrientes naturais da planta.
Importante: algumas pessoas devem evitar o consumo de chá verde, como as gestantes, os hipertensos e as pessoas com hipertireoidismo. Mesmo não se enquadrando nessas opções, não deixe de procurar um médico ou nutricionista para avaliar o seu caso.
O chá de hibisco é outro chá coadjuvante no emagrecimento. Além de auxiliar na perda de peso, é rico em nutrientes e naturalmente adocicado. Dentre seus nutrientes, destacam-se o cálcio, o magnésio, o fósforo e o potássio, minerais importantíssimos para fortalecimento de ossos e dentes. Em 6g de chá, quantidade necessária para preparo em 200 ml de água, encontramos todos esses minerais, que também são essenciais para contração muscular e produção de energia.
O chá de hibisco é também fonte de antioxidantes, como flavonoides, ácidos orgânicos e vitamina A. Eles neutralizam a ação dos radicais livres em nosso organismo, evitam o envelhecimento precoce das células e também previnem o surgimento de diversas doenças, como pressão alta, diabetes, problemas no fígado e nos rins e até mesmo o câncer.
Importante: o excesso de chá de hibisco, assim como qualquer outro chá em excesso, pode levar a intoxicação, uma vez que o fígado não conseguirá eliminar toda a bebida. Por conta de seu poder diurético, quando em excesso, pode levar a eliminação de muitos eletrólitos, como o sódio e o potássio presentes no sangue.
A recomendação diária de consumo de chá de hibisco, igualmente a de chá verde, são de 3 xícaras por dia, também sem adoçar, sem requentar e deve ser consumido no mesmo dia do preparo.
Quando consumidos com moderação, trazem inúmeros benefícios à nossa saúde, ao nosso corpo e à nossa mente. Inclua o consumo em seu dia a dia e sinta os benefícios que eles poderão proporcionar a você também.
Apesar de ser preparado de forma simples, o chá de hibisco combina com outras bebidas líquidas, como drinques ou sucos, podendo ser utilizado inclusive como geleias.
Fonte: Marcela Mendes/Mundo Verde

FOTO04.jpg

Superação do Ramon Vitor Soares: off 28 quilos
Nesta semana a coluna conversou com o Ramon Vitor Soares, que em seis meses eliminou 28 quilos. “Queria uma vida mais saudável. Estava com 35% de gordura e 122 quilos. Tinha uma vida sedentária e comecei a pensar no meu futuro. Como sempre gostei de fazer esportes, resolvi mudar o meu estilo de vida”, diz Ramon, na certeza que o esforço tem sido gratificante.
Segundo Ramon, como todo início, ele teve dificuldade em iniciar a dieta, mas com o passar do tempo e ajuda de bons profissionais, o objetivo vem sendo alcançado. “Assim que comecei, procurei o meu amigo Vitor Euzébio (atleta de Fisiculturismo), que aceitou o desafio e me auxiliou com dieta e acompanhamento. Com isso, voltei a treinar Jiu-Jitsu e em um mês já tinha eliminado quatro quilos”, comemora.
Neste percurso, Ramon conta que tem feito avaliações e o percentual de gordura vem diminuindo. “Sinto-me mais disposto e melhorei a minha autoestima. Estava em uma situação em que nem as minhas roupas serviam mais. O Jiu-Jitsu me ajudou muito. Apesar de ainda não ser um atleta de auto nível, tenho mais equilíbrio e disposição.”
Aliada à dieta, Ramon pratica exercícios aeróbicos, musculação, além do Jiu-Jistu, modalidade esta que ele vem treinando para competir. “Achei que não ia conseguir, mas eu tive força de vontade e quis mudar o meu estilo de vida. Além disso, influenciei outras pessoas da minha família a mudarem os hábitos alimentares.”
E para quem pensa que o Jiu-Jitsu é um esporte bruto, Ramon revela que a modalidade é cheia de técnicas. “O esporte é muito bom e exige ética e disciplina.”

FOTO05.jpg

 

Cidade

Mais artigos

Política

Mais artigos

Economia

Mais artigos

Esporte

Mais artigos

SEXTA RODADA DO HEXAGONAL FINAL ACONTECE NESTE SÁBADO A fase final do Campeonato Mineiro do Módulo II está a todo o vapor. Após o término do turno no...

Cultura

Mais artigos